terça-feira, 30 de julho de 2013

Nota de solidariedade



Lamento profundamente a tragédia que se abateu sobre as famílias que perderam suas casas, seus móveis e estão desalojadas e desabrigadas, após o rompimento de uma adutora da Companhia Estadual de Águas e Esgoto – CEDAE, ocorrido por volta de 4h30 da manhã desta terça-feira, na zona oeste do Rio, nas imediações da Estrada do Mendanha, no bairro de Campo Grande.

Lastimo muito e compartilho a dor das famílias que perderam entes queridos e que se feriram nesse terrível e inesperado acidente.

Certo de que Deus tem uma missão ainda mais especial para cada um de vocês, coloco-me à disposição para ajudar no que for possível, tentando assim minimizar a dor dessas famílias que hoje sofrem.

Que o Senhor Jesus possa dar a cada um, muita força e muita coragem.

sexta-feira, 26 de julho de 2013

Ampliação do Centro Olímpico em Itaperuna recebe apoio do Ministro do Esporte

 


A ampliação do Centro Olímpico e Paraolímpico de Atletismo no município de Itaperuna foi o tema da audiência entre o Ministro do Esporte, Aldo Rebelo, o deputado federal Vitor Paulo (PRB/RJ), o prefeito Alfredo Paulo Marques Rodrigues, o Alfredão, o secretário de Esporte, Nivaldo Godoi, e Luz Marina, da Federação de Atletismo do Rio de Janeiro - FARJ.

O projeto visa atender atletas profissionais e a comunidade com aulas de condicionamento físico e a prática de várias modalidades desportivas. A população ainda terá acesso a aulas de informática, biblioteca, dentista, academia, fisioterapia, workshops e outros.

O prefeito Alfredão destacou que o projeto é de suma importância para a região. “O centro olímpico vai beneficiar mais de 300 mil pessoas, uma vez que vai abranger 12 cidades do noroeste fluminense. A ampliação deste polo esportivo vai fortalecer ainda mais o esporte na cidade itaperunense”, disse Alfredão.

“O município Itaperuna é uma das cidades mais importantes do noroeste do Estado do Rio de Janeiro”, declarou o deputado republicano Vitor Paulo ao reafirmar seu compromisso com a região. “Estou comprometido com este projeto desde que recebi essa missão do Professor Godoi, secretário de Esporte, meu amigo de longas datas. Sei o quanto a ampliação desse centro olímpico vai ajudar a região itaperunense e ao meu estado, na qual fui eleito para representar na Câmara Federal. Além disso, o esporte é um dos maiores instrumentos de inclusão social”, acrescentou.

O parlamentar lembra, ainda, que o Estado do Rio de Janeiro será palco grandes eventos esportivos, a exemplo das Olimpíadas de 2016. “Vamos sediar uma olimpíada e esse centro será muito bom para a região: uma grande referência”, enfatizou Vitor Paulo.

Segundo Tempo

Outro assunto que teve destaque durante a audiência foi o projeto “Segundo Tempo”. O prefeito Alfredão e o Secretário de Esporte, Professor Godoy, solicitaram ao ministro atenção especial para a reimplantação do programa no município de Itaperuna. O projeto tem por objetivo democratizar o acesso à prática e à cultura do Esporte de forma a promover o desenvolvimento integral de crianças, adolescentes e jovens, como fator de formação da cidadania e melhoria da qualidade de vida, prioritariamente em áreas de vulnerabilidade social.



 Texto: Laize Andrade
Foto: Francisco Medeiros/ME.

Institucionalização da capoeira como prática desportiva



A institucionalização da capoeira como prática desportiva foi o tema da audiência entre o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, o deputado federal Vitor Paulo, do PRB, e o presidente da Confederação Brasileira de Capoeira, Gersonilto de Sousa.

O presidente da confederação destacou que a capoeira já é reconhecida como expressão cultural e que pretende a afirmação da atividade como um jogo de disputa. “Muitas pessoas tem uma visão da capoeira como cultura e não a imaginam como uma forma de jogo de disputa. O que nós pensamos é que se há a junção de movimentos para a atividade corporal, ela pode ser considerada uma disputa”, disse.

“A capoeira já é reconhecida como patrimônio material e imaterial do povo brasileiro pelo Ministério da Cultura e nós ainda não tínhamos afirmado essa referencia da capoeira no desporto. O Brasil se insere em 165 países do mundo pela capoeira, com representação de brasileiros no exterior ou de pessoas que vêm conhecer essa cultura e a levam para seu país”, completou o presidente da confederação.

Vitor Paulo lembra que a capoeira foi criada no Brasil, há mais de 500 anos, sendo patrimônio cultural do Brasil. “A modalidade está presente em vários países, e no Brasil, não é diferente. É importante institucionalizá-la, dessa forma, vamos proporcionar o que a capoeira merece, a valorização”, finalizou o parlamentar republicano.
Texto: Laize Andrade, com informações do Ministério do Esporte
Fotos: Ivo Lima

terça-feira, 23 de julho de 2013

Deputado Vitor Paulo confirma audiência do Prefeito de Itaperuna com Ministro do Esporte

O deputado federal Vitor Paulo, do PRB, confirmou para a próxima quinta-feira (25) encontro do Prefeito Alfredão com o Ministro do Esporte Aldo Rebello, em Brasília. O encontro vai tratar do incentivo ao esporte de Itaperuna, da implantação do programa Segundo Tempo, bem como, da construção do Centro Olímpico e Paraolímpico na região.

Vitor Paulo destaca que fará o possível para que projetos esportivos na cidade de Itaperuna sejam implementados. “Tenho uma relação muito próxima e cordial com o Ministro Aldo Rebelo, sei que este é sensível a esta causa”, afirmou.

O parlamentar do PRB lembra, ainda, que o Estado do Rio de Janeiro será palco de grandes eventos esportivos. “Com o centro olímpico, Itaperuna poderá receber equipes de outros países em um processo de aclimatação para as Olimpíadas, e, vejo que este também é prioritário para o desenvolvimento do esporte em Itaperuna e do meu estado”, ponderou.

A reunião contará também com a presença do Presidente da Federação de Atletismo do Rio de Janeiro – FARJ, Carlos Alberto Lanceta, e do Secretário de Esporte de Itaperuna, Nivaldo Godoy.
               

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Vitor Paulo sugere a criação de um Centro de Convivência para Idosos no DF


Em discurso proferido no plenário da Câmara, o deputado republicano Vitor Paulo defendeu a criação de medidas emergenciais para proteger os idosos contra a violência e as dificuldades financeiras. “Lançamos a campanha "Respeite os mais velhos" para conscientizar a população, mas precisamos ir mais longe. Queremos o fim do fator previdenciário para os aposentados, a criação do primeiro Centro de Convivência dos Idosos e da Delegacia Especializada de Atenção à Pessoa Idosa, em Brasília”, afirmou.

O deputado lembrou que as chances da pessoa desenvolver doenças crônicas aumentam com o passar dos anos. “Temos o dever de exercer decisiva influência na elaboração das políticas públicas em benefício dos idosos, de modo a promover melhoria nos indicadores de nutrição, saúde e qualidade de vida, com efetiva adoção de medidas e ações especificamente voltadas para o atendimento dessa parcela expressiva da população”, argumentou.

Segundo Vitor Paulo, outro assunto que deve ser apreciado com urgência pela Câmara dos Deputados é o fim do fator previdenciário. “Temos a obrigação de, no próximo semestre, pedir ao Colégio de Líderes que enfrente esse debate, colocando em pauta o Projeto de Lei nº 3.299, de 2008, que trata do fim do fator previdenciário, cujo redutor adotado tem sido um trauma para os aposentados”, explicou.

Vitor Paulo disse também que apresentou requerimento ao presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves, pedindo a inclusão do assunto na pauta.

Texto: Mônica Donato
Foto: Douglas Gomes

terça-feira, 16 de julho de 2013

25 anos do Jornal Hoje em Dia é comemorado na Câmara



 


O deputado republicano Vitor Paulo destacou os 25 anos de criação do Jornal Hoje em Dia, em sessão solene na Câmara em homenagem à instituição. Inaugurado em 24 de fevereiro de 1988, data em que foi criada a Constituição Federal, o Hoje em Dia acompanha diariamente as demandas da sociedade, como fatos marcantes das cidades mineiras, do Brasil e do mundo, na política, na tecnologia, cultura e esportes.

O parlamentar lembra que o Jornal Hoje em Dia foi o primeiro jornal diário do Brasil a imprimir cores em todas as suas páginas. “Quero enaltecer este gigante, que apesar de jovem, transformou-se e ganhou mais e mais a confiança dos leitores e parceiros”, disse.

Para Vitor Paulo, tal confiança e crescimento também se devem ao trabalho desempenhado por seus colaboradores - fotógrafos, jornalistas, editores, colunistas e gráficos. “Um dos pilares que faz com que este jornal ganhe mais destaque a cada dia é clareza que possui de sua responsabilidade social com Minas Gerais e com o Brasil ao levar a notícia”, afirmou.

“O Jornal Hoje em Dia é uma prova inconteste de investimento de capacidade produtiva, na melhoria de produto, e do ato de informar de forma clara e honesta, sempre com o olhar voltado para a eliminação das injustiças sociais e sobremaneira aperfeiçoar e fortalecer a democracia”, finalizou o parlamentar.

Jornal

Aos 25 anos, citado entre as 50 maiores publicações impressas do país, o jornal celebra a força da imprensa para transformar a realidade. O compromisso com os fatos e com o conteúdo de qualidade aos leitores e internautas já rendeu aos profissionais do veículo mais de 100 prêmios nacionais e internacionais, como os prêmios Esso de Jornalismo em 1991 e em 1997, pelas séries de reportagens “Operação Arrastão”, sobre menores abandonados, e “Eldorado de Carajás”.

Dentre as condecorações internacionais recebidas pelo jornal, destacam-se os três prêmios Brazilian online Award (Nova Iorque) como o jornal mais lido na internet por brasileiros nos Estados Unidos e o 1º lugar do prêmio de Fotografia Contemporânea da Casa Las Américas, em Cuba, em 2002.





 

segunda-feira, 15 de julho de 2013

Nota de pesar

Lamento profundamente a tragédia que se abateu sobre as famílias das vítimas do trágico acidente ocorrido na madrugada da última sexta-feira (12), na cidade de Governador Valadares (MG), com o ônibus que levava nossos irmãos da Igreja Assembleia de Deus da cidade de Sobradinho, para Setubinha em Minas Gerais.

Compartilho a dor dessas famílias que perderam seus entes queridos que viajavam levando, além de doações e alimentos, a Palavra de Deus e alento para uma das comunidades mais carentes do país.

Consternado, lamento a trágica interrupção de vidas tão dedicadas a ajudar o próximo e sempre voltadas para o caminho da solidariedade cristã.

Coloco-me à disposição, como cristão, para ajudar no que for possível, tentando assim minimizar a dor dessas famílias que hoje sofrem pela perda de parentes, amigos e irmãos em Cristo.

Que o Senhor Jesus possa dar a cada um, força e coragem.

Vitor Paulo defende cumprimento do plano de cargos dos servidores do FNDE



“Valorizar o servidor do Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE) é estimular a educação”, afirmou o deputado Vitor Paulo em pronunciamento. Durante o discurso o parlamentar fez um apelo à Ministra Miriam Belchior, do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão – MPOG, para o devido cumprimento do Plano Especial de Cargos do FNDE e do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP).

Vitor Paulo lembrou que o FNDE conta atualmente com um orçamento de 50 Bilhões de reais para o desenvolvimento da educação básica do Brasil. “Todas as ações, programas e projetos educacionais desenvolvidos pelo FNDE são regimentados, analisados e desenvolvidos pelos seus servidores. O FNDE é a segunda maior autarquia federal em orçamento e a primeira no desenvolvimento da educação brasileira, entretanto, nos últimos três anos, as reuniões ocorridas entre o MPOG e as entidades representativas dos servidores trouxeram grandes prejuízos profissionais e financeiros aos servidores do FNDE”, explicou.

Para o deputado, é preciso dar maior atenção ao FNDE e seus servidores, os quais têm propiciado aos estados e municípios o que há de melhor para estimular o ingresso e permanência dos alunos nas escolas públicas.

Texto: Mônica Donato

sexta-feira, 12 de julho de 2013

Vitor Paulo destaca importância da pesca artesanal


Em pronunciamento na Tribuna, o deputado federal Vitor Paulo, do PRB, destacou a importância da pesca artesanal para a economia do Brasil, em especial, a pesca da tainha, que começou mais cedo este ano, em 1º de Maio, Dia do Trabalhador. “Como todos sabem, a pesca artesanal tem enorme importância social e econômica em todo o país. Este ano, a tainha, de forma excepcional, passou a ser encontrada no litoral mais cedo”, lembrou.

O parlamentar explica que ao contrário da grande maioria das espécies, a liberação, no caso da tainha, é tradicionalmente feita durante o seu período reprodutivo, quando os cardumes aproveitam as correntes de água fria provenientes da Antártida para subir o litoral Sul e Sudeste do Brasil, onde se reproduzem e desovam.

Vitor Paulo destaca que como esta arte de pesca não estava prevista na legislação, o Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) editou uma instrução normativa para regularizar a situação. “A medida beneficia aproximadamente 200 pescadores artesanais. Ao todo, porém, aproximadamente três mil pescadores em Santa Catarina se dedicam à pesca da tainha, uma espécie batizada popularmente com cerca de 50 nomes diferentes”, acrescentou.

Grupo de trabalho

Em outubro do ano passado, o Ministério da Pesca e Aquicultura e o Ministério do Meio Ambiente instituíram o Grupo Técnico de Trabalho para discutir, juntamente com a sociedade civil e o meio acadêmico, as medidas de ordenamento para a pesca da tainha – o GTT Tainha.

“No momento, este grupo está finalizando os trabalhos e ainda este ano irá apresentar à sociedade brasileira o Plano de Gestão do Uso Sustentável para a pesca da tainha”, afirmou o parlamentar.

Vitor Paulo explica que o plano tratará de regras para acesso ao recurso pesqueiro da tainha e definirá com base nos melhores dados científicos os períodos anuais de defeso e pescaria. “O referido Plano de Gestão do Uso Sustentável da Tainha será um marco regulatório seguro e responsável para o atendimento das aspirações do setor pesqueiro nacional”, finalizou.
 
Texto: Laize Andrade
Foto: Beto Oliveira - Ag. Câmara

quarta-feira, 10 de julho de 2013

Vitor Paulo propõe audiência para discutir espionagem dos EUA a brasileiros

 
Diante das denúncias de que cidadãos brasileiros estariam sendo alvo de espionagem pela Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos, o deputado federal Vitor Paulo (PRB), que também é membro da Comissão de Relações Exteriores da Câmara, propôs a realização de audiência pública para debater o assunto.

Reportagens veiculadas nos meios de comunicação, revelam que, na última década, pessoas residentes ou em trânsito no Brasil, assim como empresas instaladas no país, se tornaram alvos de espionagem da Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos (National Security Agency - NSA). Segundo a publicação, não há números precisos, mas em janeiro passado o Brasil ficou pouco atrás dos Estados Unidos, que teve 2,3 bilhões de telefonemas e mensagens espionados.

O parlamentar destacou que a vigilância indiscriminada desrespeita o direito humano e a privacidade, além de colocar em risco a soberania de todos os países envolvidos. “O governo brasileiro precisa pedir explicações aos Estados Unidos para que revelem mais sobre os critérios usados na vigilância de cidadãos fora dos Estados Unidos”, defende.

“Como membro da Comissão de Relações Exteriores da Câmara, sou favorável a um debate democrático junto aos organismos internacionais para que sejam definidas normas claras de comportamento quanto à privacidade das comunicações e o aperfeiçoamento de regras multilaterais sobre a segurança do setor”, acrescentou.

 
Foto: Maryanna Oliveira

terça-feira, 9 de julho de 2013

23º Corrida do Fogo em Brasília




Os 157 anos do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBM/DF) foram comemorados com a realização da 23ª Corrida do Fogo, que aconteceu no último dia 07 de julho e reuniu mais de 10 mil pessoas no Eixo Monumental.

O deputado federal Vitor Paulo (PRB), que também esteve presente, aproveitou a oportunidade para elogiar a corporação, bem como, a organização e estrutura do evento. “A Corrida do Fogo representa a missão do bombeiro que é ser soldado do fogo. Minha homenagem ao Corpo de Bombeiros Militar do DF, pelo admirável trabalho que realizam, de colocar a própria vida em risco para salvar o semelhante”, comentou o parlamentar.

A corrida começou em frente ao Museu da República, e teve trajetos de 5km e 10km, percorridos.

Além de assistir à disputa, o público teve acesso ao Espaço Saúde, montado em tendas onde foram oferecidos exames oftalmológicos e de glicemia e aferição de pressão arterial. Foi promovido, ainda, o show da banda brasiliense de pop-rock Satisfaction, e a população pôde ver a exposição de carros e equipamentos do Corpo de Bombeiros, em que puderam experimentar o uniforme da corporação e ver como funcionam materiais como, por exemplo, o extintor.

Fotos: Adriano Prado
 

IURD: 36 anos de fé

 
 
Venho prestar justa homenagem à Igreja Universal do Reino de Deus pelo transcurso dos seus 36 anos. São décadas de um trabalho marcado por múltiplas lições de fé e de evangelização, realidade que justifica, em plenitude, os elogios aqui consignados.

Cabe lembrar que, em 9 de julho de 1977, no coreto do Jardim do Méier, no Rio de Janeiro, iniciava-se a trajetória de tantas realizações de nossa homenageada, que encontrou na dedicação e na coragem do Bispo Macedo as condições necessárias para o êxito alcançado. Nesse percurso de inegável sucesso, bispos, pastores, obreiros e demais membros vêm renovando, minuto a minuto, a esperança em um futuro mais próspero, construído a partir do puro amor cristão.

Amor cristão tantas vezes defendido pelo Bispo Edir Macedo e por muitos religiosos que sempre confiaram no poder transformador da fé. Inclusive nas pregações realizadas no coreto do Méier, o Bispo Macedo dizia que a Igreja Universal tinha por missão maior pregar o Evangelho aos quatro cantos do mundo. Desse modo, ela multiplicaria ensinamentos e ajudaria a fortalecer o caminho em direção a um horizonte repleto de esperança.

Os fatos muitas vezes são os melhores argumentos. Presente em diversas cidades brasileiras, a Igreja Universal do Reino de Deus cruzou fronteiras para alcançar países da América, da Europa, da Ásia e da África. O que dizer diante de tamanha expansão evangelizadora? O que dizer diante de tantos ensinamentos cristãos?

Agradecemos à Igreja Universal do Reino de Deus por prosseguir nessa trajetória de pleno êxito, capaz de promover intensas mudanças na vida de milhões de pessoas. Homens e mulheres que antes traziam, em função do abandono e da vulnerabilidade social, profundas marcas de sofrimento; homens e mulheres que, atingidos pelo grandioso trabalho cristão de nossa homenageada, hoje percebem um novo alvorecer!

Minha profunda gratidão a todos que, com extrema coragem e fé, contribuem para o pleno sucesso desse maravilhoso trabalho, responsável por mudar a vida de milhões de pessoas.

Eu, minha esposa e meus filhos agradecemos à Deus pela vida do Bispo Macedo. Parabéns Universal.

‘Programa Mais Médicos’


“A Presidenta Dilma Rousseff dá um importante passo em respostas às manifestações populares que tomaram conta do País nas últimas semanas ao lançar o ‘Programa Mais Médicos’”, avaliou o deputado federal Vitor Paulo, do PRB, em pronunciamento na Tribuna. Para o parlamentar, o projeto foca em um dos principais problemas da saúde pública no Brasil: o déficit de profisisonais médicos principalmente nas regiões mais carentes do país.

Vitor Paulo explica que o índice de médicos por habitante no Brasil é inferior a países da América Latina. “A Argentina possui 3,2 médicos por mil habitantes, o México tem 2 médicos a cada mil habitantes. Já o Brasil, segundo dados do Ministério da Saúde, possui 1,8 médicos por mil habitantes”, alertou.

O parlamentar destaca que a carência desses profisisonais se dá porque o Brasil mais gera vagas do que forma médicos. “Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados aponta que de 2003 a 2011, surgiram 147 vagas, contra 93 mil profissionais formados”, acrescentou. Outro problema apontado pelo deputado do PRB é a concentração de médicos em regiões mais desenvolvidas do País. “Apenas 4% dos profissionais brasileiros estão registrados nos conselhos da Região Norte; dos cinco estados, três estão na região norte e dois no nordeste. Já o Distrito Federal tem a maior proporção de médicos por habitante 3,46”, destacou.

Com esses dados, o Ministério da Saúde chegou à conclusão que seria necessário contratar 168.424 médicos para atingir um patamar considerado adequado, de 2,7 profisisonais por mil habitantes, similar ao da Inglaterra, de onde foi inspirado o Sistema Único de Saúde, SUS. “Esses números levaram o Governo Federal a adotar uma política pública voltada para o preenchimento dessas vagas, levando em consideração dois fundamentos: o de valorização do profissional e o de oferecer um serviço de qualidade que não ponha em risco a saúde do cidadão”, disse Vitor Paulo.

Vitor Paulo completa: “Que este programa venha a dar respostas a um dos maiores anseios da população: ter um atendimento público de saúde eficiente e de qualidade, principalmente para os cidadãos mais humildes”.



Texto: Laize Andrade
Foto: Luiz Cruvinel - Ag. Câmara

sábado, 6 de julho de 2013

Vítor Paulo presta homenagem aos bombeiros em sessão na Câmara


Durante Sessão Solene alusiva ao Dia do Bombeiro Militar, na tarde desta sexta-feira (5), o deputado republicano Vítor Paulo (RJ) homenageou os militares do Corpo de Bombeiros que, muitas vezes, arriscam suas próprias vidas para salvar o semelhante. “Quero prestar uma homenagem especial ao Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal, uma instituição detentora dos maiores índices de confiança da população brasileira, que completou no último dia 02 de julho, 157 anos”, afirmou.

Vítor Paulo lembrou que os bombeiros exercem o trabalho muito mais pelo senso de dever cumprido do que pela recompensa financeira. “Na alma cada soldado do fogo, está presente a prudência, a solidariedade e a capacidade de colocar a própria vida em risco. O Brasil sabe das catástrofes naturais que meu estado, o Rio de Janeiro, sofre nas chuvas de verão. O Corpo de Bombeiros Militar do RJ presta um serviço brilhante em defesa e resgate das vítimas. Pude conferir de perto o trabalho desses profissionais em Petrópolis, São João do Vale do Rio Preto que foram as cidades mais atingidas e não posso deixar de demonstrar o meu carinho e respeito por esses profissionais”, disse.

O deputado prestou homenagem especial à família do sargento do Corpo de Bombeiros do DF, Antônio Tadeu Botelho dos Santos, de 46 anos, que morreu no mês passado após ser atropelado na Estrada Parque Taguatinga (EPTG). O bombeiro sinalizava a pista para o socorro de um motorista que bateu o carro na mureta de proteção da via. “Esse herói não pode ficar no anonimato, assim como, os 17 bombeiros que morreram no estado do Arizona (sudoeste dos Estados Unidos) tentando apagar um incêndio florestal”, acrescentou.

Texto: Mônica Donato
Foto: Zeca Ribeiro

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Participação dos idosos na definição de políticas públicas

 
Em discurso proferido na tribuna, o deputado federal Vitor Paulo (PRB), que também preside a Frente Parlamentar em Apoio ao Idoso, comemorou a aprovação do Projeto de Lei nº 1445/11, na Comissão de Constituição e Justiça, que aumenta as garantias de prioridade e de participação da pessoa idosa na definição de políticas públicas. A proposta aprovada altera o Estatuto do Idoso e a Política Nacional do Idoso.

O parlamentar explica que o texto inclui, no Estatuto do Idoso, entre as garantias de prioridade concedidas à pessoa idosa: o estímulo à participação e ao fortalecimento do controle social exercido pelos idosos; as cooperações nacionais e internacionais em experiências de política de atendimento à pessoa idosa; e o apoio ao desenvolvimento de estudos e pesquisas.

Vitor Paulo destaca que o aumento da população idosa no Brasil está em franco crescimento. “Entre 2000 e 2050, a população idosa passará de 7,8% para 23,6%, enquanto a jovem reduzirá de 28,6% para 17,2%, e a adulta de 66,0% para 64,4%. Em 2050 a população de 65 anos será de 38 milhões de pessoas, superando a de jovens”, acrescentou.

O projeto estabelece, ainda, que a implantação da Política Nacional do Idoso e a prevenção e manutenção da saúde do idoso serão efetivadas por meio da formação e da educação permanente dos profissionais do Sistema Único de Saúde (SUS) na área de saúde do idoso.

Para Vitor Paulo é de suma importância “aprovar propostas que atendam aos interesses das pessoas idosas, cidadãos que já fizeram e ainda fazem pelo engrandecimento do nosso país”.
 

Texto: Laize Andrade
Foto: Beto Oliveira - Ag. Câmara

Culto em Ação de Graças ao 157º Aniversário do Corpo de Bombeiros



O deputado federal Vitor Paulo (PRB) participou nesta quarta-feira (03) do Culto em Ação de Graças ao 157º Aniversário do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal. "Parabéns ao CBMDF por mais esta data e pelo belo trabalho que desenvolvem, ajudando a quem precisa nos momentos mais difíceis, sempre com sob o lema: ‘Vidas alheias e Riquezas Salvar’", destacou o parlamentar.

terça-feira, 2 de julho de 2013

Vitor Paulo é homenageado pelo Corpo de Bombeiros do Distrito Federal



O deputado federal Vitor Paulo, do PRB, foi agraciado com a “Ordem do Mérito Imperador Dom Pedro II” do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal.

A outorga da comenda foi realizada pelo Secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, Sandro Avelar, durante solenidade realizada na Academia de Bombeiro Militar “Coronel Alves Pinheiro”. O evento fez parte da comemoração ao Dia Nacional do Bombeiro e Aniversário do CBMDF, celebrado no dia 02 de julho.

O parlamentar republicano afirma que receber a mais alta comenda conferida pela Instituição é uma honra. “Agradeço a homenagem, e aproveito para cumprimentar o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal pelo belo trabalho que desenvolvem, ajudando a quem precisa nos momentos mais difíceis, sempre com sob o lema: ‘Vidas alheias e Riquezas Salvar’. Fico feliz por poder participar, de alguma forma, dessa história”, agradeceu.

Homenagem

A honraria é a mais alta distinção honorífica dos Bombeiros do DF. Criada pelo Decreto n.º 24.275, de 8 de dezembro de 2003, ela é destinada a agraciar bombeiros militares que prestaram notáveis serviços à corporação, ao Distrito Federal ou ao País.

Também são contemplados profissionais que tenham se destacado no exercício de sua profissão, por meio de relevantes serviços prestados ao CBMDF ou às corporações militares, civis e estrangeiras, que tenham tornado credoras de homenagem especial do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal.



Texto: Laize Andrade
Fotos: Adriano Prado

Vítor Paulo destaca os 50 anos do Sindicato das Empresas de Asseio e Conservação do RJ



O deputado republicano Vítor Paulo (RJ) ressaltou o crescimento da prestação de serviços na economia nacional durante sessão solene em homenagem aos 50 anos do Sindicato das Empresas de Asseio e Conservação do Rio de Janeiro (SEAC/RJ). Para ele, o aumento de 13% revela a consolidação do setor.
“Não podemos deixar de lembrar que outros setores vêm sofrendo com a instabilidade do cenário econômico dos últimos dias. Entretanto, pesquisa realizada pelo Centro Nacional de Modernização em 2005 revela que 86% das empresas contratam ou já contrataram serviços terceirizados”, disse.
Vítor Paulo homenageou o serviço de qualificação da mão-de-obra realizado pelo sindicato e parabenizou o SEAC pelo trabalho de conscientização ambiental realizado na Ação Nacional de Cidadania – Limpeza de Áreas Verdes. “O mutirão de limpeza na Lagoa Rodrigo de Freitas, um dos cartões postais do Estado do Rio de Janeiro, é um belo trabalho que deve ser repetido por outras cidades”, explicou.
Segundo o parlamentar, o setor enfrenta alguns problemas que podem gerar uma séria de transtornos. “A carga tributária, por exemplo, é um dificultador. Precisamos aliviar os impostos. Outra característica que fortalece o setor é o fornecimento de mão-de-obra qualificada por um custo baixo. Porém, o Estado precisa fiscalizar com maior eficiência as cooperativas de trabalho a fim de evitar fraudes”, alertou.                                                                                                                                                                   
Ao finalizar seu pronunciamento, Vítor Paulo apontou que a falta de mão-de-obra qualificada é um dos grandes problemas para a colocação do trabalhador no mercado. Segundo ele, economistas são unânimes no diagnóstico. “Uma sindicato que busca incessantemente a qualidade profissional é um orgulho para as suas associadas, que terão a garantia de estarem oferecendo ao mercado os melhores trabalhadores”, acrescentou. 

Texto: Mônica Donato
Fotos: Adriano Prado