sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Vitor Paulo se despede da Câmara dos Deputados com a convicção do dever cumprido


O republicano dedicou seu mandato à defesa dos interesses dos Idosos, da Família e dos Militares das Forças Armadas, contribuindo para o avanço das políticas públicas voltadas a estes segmentos.

Brasília, 18 de dezembro - O deputado federal Vitor Paulo (PRB) ocupou a Tribuna da Câmara dos Deputados para fazer um balanço do seu mandato e se despedir de suas atividades parlamentares na Casa. Ele agradeceu a confiança da população fluminense que lhe conferiu o mandato, destacou sua luta na criação da Frente Parlamentar em Apoio ao Idoso e as conquistas que esta teve na missão de fazer com que o Estado brasileiro desenvolvesse mais políticas públicas para essa parcela da população, além de pontuar seu trabalho em prol da valorização da Família e das Forças Armadas.

O republicano disse que se despede da Câmara convicto de que deixou marcas de um trabalho que serviu aos ideais que o levaram a representar a população do estado do Rio de Janeiro  no parlamento. “Ter promovido importantes discussões e despertado a consciência de que precisamos oferecer condições de vida melhores para os cidadãos com mais de sessenta anos de idade foi um marco importante de meu mandato,” destacou. Para Vitor Paulo, houve avanço em três pontos fundamentais nas leis que regem os direitos dos idosos: o fim do fator previdenciário, o direito de se desaposentar e a suspensão da cobrança de contribuição previdenciária de servidores públicos na inatividade e pensionistas. “Apesar de não termos conseguido concluir a tramitação destas matérias, demos alguns passos importantes e reposicionamos o debate desses temas em lugar de destaque na agenda do Congresso Nacional,” avaliou.

Ele ainda classificou como inadmissível que o Governo recolha impostos das pessoas com idade mais avançada e lembrou que apresentou um Projeto de Lei (PL nº 1.538/2011) e uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC nº 69/2011), para isentar a pessoa com idade igual ou superior a 75 anos da incidência do imposto de renda.

FAMÍLIA – A defesa da entidade familiar foi um dos pilares do mandato do deputado Vitor Paulo. O parlamentar se dedicou à juventude, à defesa dos direitos das mulheres e das crianças, ao combate à violência e à exploração sexual, à defesa da vida e contra o aborto, ao combate a legalização das drogas e pelo livre funcionamento das instituições religiosas. “O Estado precisa voltar suas políticas públicas para a família, efetivando os direitos à saúde, à alimentação, à educação, ao esporte, à cidadania e ao convívio social,” explicou.


MILITARES - A valorização das Forças Armadas também mereceu destaque na atuação de Vitor Paulo na Câmara dos Deputados. Como vice-presidente da Comissão de Relações Exteriores, o republicano criou a Subcomissão para Acompanhar a Política Salarial dos Militares da Ativa e da Reserva. Ele também apresentou uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC nº 404/2014) com o objetivo de se realizar a revisão anual das remunerações desses servidores. “Acredito que aumentar os investimentos nas Forças Armadas e na valorização de seus militares seja um meio de instituir uma política de defesa nacional que realmente possa cumprir seu papel,” defendeu o parlamentar. 

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Vitor Paulo homenageia Rede Sarah na entrega do Prêmio Transparência e Fiscalização – 2014



O deputado republicano defendeu a escolha da Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação na categoria Sociedade Civil, destacando seu trabalho de reabilitação por todo Brasil. 

Brasília, 09 de dezembro de 2014 - O deputado federal Vitor Paulo (PRB) participou na manhã desta terça-feira da sessão solene no Plenário da Câmara dos Deputados que entregou o Prêmio Transparência e Fiscalização Pública – 2014 à Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação. O Prêmio acontece todos os anos, sendo uma iniciativa da Comissão de Fiscalização Financeira e Controle, visando reconhecer e homenagear o trabalho das entidades e pessoas com a atividade de fiscalizar os recursos públicos. A premiação foi dividida em duas categorias: Sociedade Civil e Governamental. A Rede Sarah ganhou na categoria Sociedade Civil e o Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) na categoria Governamental.

O deputado republicano estava representando o líder do PRB, deputado George Hilton, autor da indicação da Rede Sarah como concorrente ao Prêmio. Vitor Paulo lembrou da inauguração, em 21 de abril de 1960, do Centro de Reabilitação Sarah Kubitschek, idealizado pela Sociedade de Utilidade Pública Pioneiras Sociais – fundada em 1956 pela então primeira-dama Sarah Kubitschek – com o objetivo de dotar Brasília de um centro de reabilitação. “Depois do Hospital de Brasília, vieram os de São Luís (1993), Salvador, Belo Horizonte, Fortaleza, Rio de Janeiro, Macapá e Belém (2007), que se tornaram referência em neurorreabilitação”, destacou.

Para Vitor Paulo, a Rede Sarah tem um jeito especial de lidar com os traumas sofridos pelos seus pacientes. “O ser humano é sujeito da ação e não objeto sobre o qual se aplicam técnicas. Cada pessoa é percebida e tratada com foco no seu potencial e não nas suas dificuldades. Esse é o lema de seus profissionais”, explicou o republicano, que parabenizou a escolha do hospital para receber a premiação.

Texto: Tiago Monteiro Tavares
Foto: Douglas Gomes 

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Vitor Paulo incentiva formação de artesãos no Distrito Federal

Projeto Arte Fuxiqueira promove a inserção de mulheres no mercado de trabalho.

Brasília, 26 de novembro - O deputado republicano Vitor Paulo conduziu, na Câmara dos Deputados, a cerimônia de entrega dos certificados às alunas do projeto Arte Fuxiqueira, realizado pela Associação Comunidade Sustentável. O evento, organizado pela presidente da entidade, Christina Pedra, contou com o apoio do parlamentar, que considera a iniciativa promissora na luta para superar a desigualdade social no Distrito Federal. 

Na avaliação de Vitor Paulo, uma das ferramentas mais eficientes para promover a inclusão social é a educação. “Nem sempre o Governo tem como alcançar todas as áreas que estão em vulnerabilidade social. Para isso, contamos com o auxílio do terceiro setor, ou seja, as organizações sociais não governamentais, como as Associações e as Fundações. Nesse contexto, a Associação Comunidade Sustentável tem desempenhado um papel fundamental na identificação dos pontos favoráveis presentes na inclusão de uma atividade artesanal voltada a um grupo de mulheres cadastradas para que tenham a oportunidade de aprender um ofício”, explicou.

A presidente da Associação agradeceu o apoio do deputado ao projeto, que, segunda ela, tem por finalidade a geração de renda e a educação para mulheres que querem o bem estar de suas famílias. “Represento a associação, organização civil, que entre suas várias atividades, desde janeiro de 2012, desenvolve projetos em comunidades que estejam em situação de risco social. Os projetos desenvolvidos baseiam-se em três eixos temáticos: desenvolvimento social, cultura e sustentabilidade. 

Para Vitor Paulo, a formação dessas artesãs, especializadas na produção dos artesanatos em questão, estará possibilitando a propagação da cultura de uma forma geral, a geração de renda, a terapia ocupacional, o reaproveitamento de resíduos têxteis e, principalmente, resgatando a autoestima dessas corajosas mulheres. “Quando nós, parlamentares, apoiamos essas ações, estamos contribuindo para o crescimento de algo que não possui apenas o valor material da geração de renda, mas a autoestima em fazer com que cada uma dessas mulheres desempenhe o real papel de uma cidadã que leva segurança para sua própria casa. Estamos estimulando essas artesãs a serem e se sentirem valorizadas”, acrescentou.

A solenidade contou também com a presença do presidente da Associação Semear, Mauro Florippes, parceiro do projeto.

Por Mônica Donato 
Fotos: Douglas Gomes 

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Vitor Paulo vota pela derrubada de decreto do governo

Para o deputado, o tema é complexo e deveria ser submetida ao crivo do Parlamento 




Brasília, 28 de outubro - O deputado republicano Vitor Paulo votou pela aprovação do projeto (PDC 1491/14) que anula o decreto presidencial (8.243/14). O PDC cria a Política Nacional de Participação Social, com diversas instâncias para que a sociedade influencie as políticas públicas. Embora considere a proposta relevante, o parlamentar afirmou que o tema não deveria ser tratado por decreto.

“O PRB sempre apoiou iniciativas que tenham por finalidade a ampliação dos mecanismos de participação popular. O partido, entretanto, diverge da forma escolhida pelo governo para materializar a iniciativa: e edição de um decreto. O tema é complexo e deveria ser objeto de proposição submetida ao crivo do Parlamento brasileiro, onde seria amplamente debatido e aprimorado”, afirmou Vitor Paulo.

O decreto presidencial foi criticado por parlamentares de quase todos os partidos. Eles consideram que a norma invade prerrogativas do Congresso. O projeto (PDC 1491/14) segue agora para o Senado Federal.

Por Mônica Donato
Fotos: Luís Macedo Agência Câmara 

VITOR PAULO COMEMORA ELEIÇÃO DE DILMA


O republicano acompanhou de perto a apuração e o discurso da vitória.


O deputado federal Vitor Paulo (PRB) acompanhou de perto a apuração das eleições mais acirradas da democracia brasileira. O republicano viu a vitória da presidente reeleita Dilma Rousseff (PT) e acompanhou junto a políticos da base aliada o pronunciamento feito pela presidente na noite de ontem (26).

Dilma agradeceu o apoio e o carinho da população brasileira e ressaltou a necessidade de se unir o Brasil, não alimentando a divisão natural que o próprio resultado das urnas acabou gerando. A presidente agradeceu nominalmente as lideranças políticas presentes no pronunciamento da vitória e destacou a participação do deputado Vitor Paulo e do Partido Republicano Brasileiro (PRB) no empenho durante a campanha. Vitor Paulo permaneceu ao lado da presidente durante todo seu discurso.

O republicano que defende os valores da família, dos idosos e dos militares das Forças Armadas desejou sucesso e coragem a presidente para que ela possa enfrentar os desafios e demandas da população brasileira. “Parabenizo a presidente reeleita Dilma Rousseff e desejo que ela possa fazer um governo ainda melhor e mais inclusivo do que o primeiro, avançando em políticas importantes como a preservação da vida e da família ,” desejou.

Texto: Tiago Monteiro
Foto: Reprodução Portal UOL

Vitor Paulo participa de homenagem ao Dia do dentista


Em discurso proferido no plenário da Câmara, na última sexta-feira (24), o deputado republicano Vitor Paulo cobrou mais investimentos dos governos na contratação de profissionais dentistas no Brasil. O pronunciamento foi feito durante Sessão Solene em alusão ao Dia Nacional da Saúde Bucal, comemorado no dia 25 de outubro.


“Dois terços dos brasileiros adultos não sabem que a legislação garante atendimento a urgências odontológicas, à prevenção, à assistência e à reabilitação da saúde bucal. É necessário que os governos invistam na contratação desses profissionais para a rede pública; isto porque não basta ter a excelência que eles naturalmente possuem, mas também é necessária a celeridade nesse tipo de atendimento”, defendeu.

Na avaliação do deputado, enquanto na saúde pública o problema é a velocidade do atendimento, na rede privada o desafio é a ampliação no rol de procedimentos cobertos pelos planos de saúde. “O Implante Dentário, que vem se transformando na técnica de recuperação funcional mais utilizada pelos dentistas não é coberto. Por que não ser reembolsável também esse tipo de procedimento, não é uma questão de mera estética, é uma questão de qualidade de vida”, questionou o republicano.

Vitor Paulo citou uma pesquisa encomendada ao Datafolha pelo Conselho Federal de Odontologia na qual a população, em reconhecimento ao trabalho desenvolvido por esses profissionais, deu nota 9 para o atendimento recebido pelo Cirurgião-Dentista, demonstrando o apreço pela qualidade do serviço desempenhado. 

Por fim, o deputado parabenizou a categoria pelos avanços tecnológicos em procedimentos cada vez mais sofisticados e apoiou o Projeto de lei nº 2.776, de 2008 que determina a presença de um profissional de odontologia nas Unidades de Tratamento Intensivo-UTIs. Na avaliação do parlamentar, essa medida é indispensável para fornecer um tratamento completo ao paciente.

Por Mônica Donato
Foto: Douglas Gomes

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

Mobilização pelas 30 horas de trabalho aos enfermeiros


Vitor Paulo recebeu enfermeiras que pedem a inclusão na pauta da Câmara do projeto que reduz a jornada de trabalho da categoria.

O deputado federal Vitor Paulo recebeu, na quarta-feira (6), um grupo de enfermeiras que se mobilizaram para cobrar a inclusão na pauta de votações da Câmara dos Deputados do projeto de lei nº 2295/2000, que estabelece a carga horária de trabalho de 30 horas semanais para a categoria.

O republicano apoia a redução da jornada de trabalho dos enfermeiros. Para ele, os problemas da Saúde são os mais diversos, passando pela falta de medicamentos e materiais hospitalares à falta de médicos e investimentos no Sistema Único de Saúde (SUS). “Mesmo que sejam feitas as políticas públicas, o planejamento e os investimentos necessários na Saúde, não conseguiremos resolver outro grande gargalo, que é a desvalorização e a sobrecarga dos enfermeiros e demais profissionais da saúde.

Os enfermeiros somam mais de 1,5 milhão de profissionais em atividade no mercado de trabalho brasileiro, e são submetidos a jornadas de 40 horas na rede pública e 44 horas semanais na rede privada de saúde.


“São os enfermeiros que estão na ponta do atendimento de saúde, quem mais têm contato com os pacientes; e quem mais ouve as queixas dos usuários e pacientes. Eles são os que mais sofrem com uma jornada exaustiva, fato que colabora para baixa qualidade de Sistema de Saúde no Brasil” avaliou. 

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Vitor Paulo incentiva a construção de casas populares

Parecer do republicano a projeto de lei na Comissão de Seguridade Social e Família vai estimular a construção de moradias populares

O parecer favorável do deputado Vitor Paulo (PRB) ao Projeto de Lei 6.083/2013, que isenta da contribuição à Seguridade Social as obras de habitação popular foi aprovado, por unanimidade, nesta quarta (6), na Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados. De acordo com o republicano, o incentivo estimulará as Companhias de Habitação Popular Brasileiras - COHAB’s de todo o país a construir mais moradias para as pessoas de baixa renda.

“A moradia é um direito social previsto no art. 6º de nossa Carta Magna. A isenção até então estava restrita apenas para habitações populares construídas pelo próprio dono ou em regime de mutirão. No entanto, o regime de mutirão quase inexiste porque as pessoas de baixa renda não possuem disponibilidade de tempo, e muitos não contam com a qualificação necessária para a edificação de construções. Diante da nova realidade do país, é imprescindível que a legislação previdenciária seja atualizada”, explicou.

O presidente da Companhia Habitacional Regional de Ribeirão Preto, Silvio Geraldo, destacou que a isenção permitirá uma melhor gestão dos recursos. “As COHAB’s são empresas públicas que trabalham para pessoas de baixíssima renda. Todas as vezes que há imposições, sejam tributárias ou burocráticas, há um impedimento ao órgão que deixa de fazer mais”, ponderou.

Marcílio Machado Sobrinho, da Companhia de Habitação do Paraná (COHAPAR), elogiou a sensibilidade do deputado Vitor Paulo em entender a importância desse incentivo para o brasileiro de baixa renda. "Infelizmente, os burocratas travam a máquina pública para os órgãos públicos. Tivemos que travar uma guerra muito grande, por uma causa que é justa. Esse dinheiro economizado será canalizado para resolver o problema de outras pessoas”, comemorou. 

O projeto segue agora para a apreciação da Comissão de Finanças e Tributação (CFT).

Vitor Paulo se reúne com o presidente da Câmara para articular a votação dos projetos de interesse dos Idosos e Aposentados

O republicano disse que vai cobrar a promessa de votação da contribuição e do fator previdenciários

O deputado federal Vitor Paulo, presidente da Frente Parlamentar de Apoio ao Idoso, articulou, nesta terça-feira (5), juntamente com o presidente da Frente de Apoio aos Aposentados, o colega republicano Cleber Verde, encontro com o presidente da Câmara dos Deputados, deputado Henrique Eduardo Alves. O presidente assegurou aos parlamentares que vai pautar e votar as matérias de interesse da categoria até o término do seu mandato.

O encontro contou com a participação de representantes da Confederação Brasileira de Aposentados, Pensionistas e Idosos (COBAP) e do Movimento dos Servidores Públicos Aposentados e Pensionistas (MOSAP). O objetivo da reunião é definir uma agenda prioritária para os aposentados que reivindicam a aprovação do Projeto 4434/2008 e da PEC 555/2006, que tratam do reajuste dos benefícios mantidos pelo regime geral de previdência social e o fim da contribuição previdenciária e do fator previdenciário.

Na avaliação de Vitor Paulo, a extinção da contribuição previdenciária dos servidores públicos fará justiça com aqueles que trabalharam a vida inteira e agora são obrigados a continuar contribuindo. “Essas matérias devem ser pautadas o quanto antes, por respeito aos idosos. O presidente deu sua palavra e vamos cobrar para que as propostas sejam debatidas e aprovadas no plenário desta Casa ainda este ano”, acrescentou o republicano.

Por Mônica Donato
Foto: Douglas Gomes 

sexta-feira, 11 de julho de 2014

“As Forças Armadas tornaram-se auxiliares dos órgãos de Segurança Pública”, avalia Vitor Paulo.

Em discurso proferido nesta sexta (11), o deputado republicano Vitor Paulo criticou, mais uma vez, os baixos salários dos integrantes das Forças Armadas. De acordo com o parlamentar, a evasão de vários militares das Forças Armadas é uma das consequências da baixa remuneração à categoria.


“Desde os mais remotos tempos, em todos os lugares do mundo, os militares, em regra, formam uma categoria de cidadãos que, pela própria rigidez da vida espartana a que são submetidos, não ganha muito. Em contrapartida, também não devem ganhar tão pouco a ponto de passar necessidade, de perder a motivação pela vida castrense, de chegar a sublevações, como registrado em alguns episódios ao longo da história”, disse.

Vitor Paulo criticou a omissão do Governo Federal, que sempre alega a insuficiência de caixa para remunerar condignamente os seus soldados, marinheiros e aviadores, enquanto esbanja cerca de 33 bilhões de reais com a realização da Copa do Mundo. “Não há juramento de dar a própria vida pela Pátria que resista às necessidades dos filhos. Não há vocação para a carreira das armas que resista à falta de dinheiro no bolso”, desabafou.

O deputado destacou ainda que nos últimos anos, pelas ameaças de greves, paralisações, “operações tartarugas” e por outros meios vedados aos militares, a remuneração de muitas carreiras de Estado alcançaram valores consideráveis, enquanto a dos militares das Forças Armadas ficou praticamente estagnada. Segundo ele, o problema não é apenas salarial. “Equipamentos ultrapassados e desgastados pelo uso e pelo tempo martirizam aqueles que desejam bem cumprir suas missões. A falta de munição para treinar faz com que recrutas, em um batalhão de infantaria, ironicamente, a ele se refiram como “batalhão de infantaria de faxina”, esclareceu.

O republicano lembrou que na ausência da Polícia Federal, são os militares que patrulham e vigiam as fronteiras; constroem rodovias, pontes, pistas de aeroportos e trechos de transposição do São Francisco com melhor qualidade e a um custo infinitamente menor do que as empreiteiras; conduzem as Operações Pipa pelo solo esturricado do sertão nordestino, no lugar de prefeituras corrompidas e que fazem da água instrumento de barganha política; assumem a segurança pública, quando a polícia não dá conta ou faz greve ilegal; viram mata-mosquitos quando a epidemia da dengue assola o País.


Por Mônica Donato
Foto: Douglas Gomes 

terça-feira, 3 de junho de 2014

Bancada do PRB prestigia lançamento do livro de Marcos Pereira em Brasília



Parlamentares republicanos participaram da sessão de autógrafos do livro “O USO DA INFORMAÇÃO COMO NOTÍCIA DO CRIME AMBIENTAL”, de autoria do advogado e presidente nacional do PRB, Marcos Pereira. O evento realizado ontem (2) na sede do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) reuniu acadêmicos de Direito, lideranças políticas, cinco ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ), deputados federais e o ministro da Pesca, Eduardo Lopes.

Na avaliação do líder republicano, deputado George Hilton (PRB/MG), com a publicação do livro, Marcos Pereira demonstra sua capacidade de compreender e entender o Brasil, como um grande jurista e também agente político. “A obra é oportuna e trata de um tema que vem sendo discutido por diversos fóruns permanentes mundo afora. Os crimes ambientais ocorrem, muitas vezes, dentro de uma névoa que não deixa rastros nem provas. A imprensa deve ser considerada uma porta-voz nessa luta pela preservação ambiental”, afirmou.

Para o deputado Antonio Bulhões (PRB/SP), Marcos Pereira possui qualidades que o credenciam para escrever a obra. “É a pessoa que mais tem propriedade para fazer a abordagem sobre o assunto, pois reúne conhecimento profundo sobre a mídia e o Direito Penal. A obra traz essa correlação com o Direito Ambiental. Esse tripé irá ajudar a elucidar os crimes ambientais com mais destreza”, avalia Bulhões.

Segundo o deputado Vitor Paulo, jornalista por profissão, a função dos meios de comunicação se divide em noticiar os fatos e colaborar com a justiça sobre os crimes, como no caso dos danos à natureza. “Quando você respeita o limite, naturalmente ganham o meio ambiente e a sociedade”, avalia.

Já o deputado Cleber Verde (MA) ressaltou a iniciativa de Marcos Pereira como válida e inovadora. “O presidente do PRB demonstra que, além de conduzir muito bem o partido, está antenado com os temas fundamentais para o Brasil. É uma obra para ser lida por alunos, professores, juristas e, sobretudo, por nós parlamentares”, disse.

Beto Mansur ressaltou a história de vida do presidente. “Marcos Pereira é uma dessas pessoas que nasce para ajudar a mudar o destino das coisas e das pessoas, sempre para o bem. Ele é um craque”, destacou.

No prefácio do livro, o ministro do Supremo Tribunal Federal e ex-presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Marco Aurélio Mello, afirma que “o autor oferece aos leitores obra primorosa, cuidadosamente elaborada, reveladora de esmero peculiar. A proposta, certamente, servirá, além de fonte doutrinária relevante, de justificativa para ações práticas voltadas à persecução alusiva a crimes ambientais. Alcançará duplo sucesso: teórico e prático, como só acontece com grandes estudiosos”.


Por Mônica Donato
Fotos: Douglas Gomes

 

segunda-feira, 2 de junho de 2014

Júlio César recebe título de cidadão brasiliense

 
A Câmara Legislativa do Distrito Federal – CLDF, concedeu o Título de Cidadão Honorário de Brasília ao ex-secretário de Esporte do DF, Júlio César. A sessão solene aconteceu por meio do Decreto Legislativo nº 250/12, do deputado distrital Evandro Garla, do PRB, em reconhecimento à atuação de Júlio César pelo fomento do esporte em suas diversas modalidades na Capital Federal. Autoridades, lideranças comunitárias, esportistas e apoiadores lotaram o Plenário da Casa.

“Esse título reflete o trabalho que foi desenvolvido pela Secretaria em prol do povo e do esporte brasiliense. Me sinto honrado em ter se tornado um filho legítimo dessa cidade que adotei como minha casa”, disse Júlio César ao agradecer o reconhecimento de todos pelo seu trabalho.

O ingresso do republicano Júlio Cesar na vida pública foi lembrado pelo deputado Evandro Garla. “Júlio foi convidado pelo Partido Republicano Brasileiro para assumir a Secretaria de Esporte do DF, com um único objetivo: contribuir para que Brasília se tornasse referência da prática esportiva”, ponderou. Garla refrisou que Júlio César muito contribuiu para a história e crescimento do esporte. “Júlio conseguiu mudar o rumo do esporte em nossa capital. A Secretaria que antes era conhecida como de Esporte, hoje é uma pasta modelo e reconhecida por todos como a ‘Secretaria dos Esportes’”, completou.

Representando a Bancada do PRB na Câmara dos Deputados, o republicano Vitor Paulo destacou o legado deixado por Júlio César quando Secretário de Estado sendo este, reescritor da história do esporte no DF. “Júlio César revolucionou o esporte em nossa capital. Hoje, a população de Brasília conta com 11 Centros Olímpicos que atendem mensalmente mais de 40 mil pessoas, com atividades de inclusão social para crianças, jovens, adultos e idosos. Além disso, Júlio conseguiu que Brasília se tornasse referência e entrasse definitivamente para o calendário dos grandes eventos esportivos mundiais, com a realização do Gymnasiade. A Lei Bolsa Atleta Paraolímpica e a Lei Complementar ao Fundo de Apoio ao Esporte também são outros destaques, dentre outras ações”, disse.

Homenageado
Júlio César, nasceu em 1975, em São Bernardo do Campo, São Paulo. Filho único de uma família simples, começou a trabalhar aos 14 anos de idade como office boy em uma empresa de contabilidade para ajudar sua família. Aos 19 anos, casou-se com Sônia Ribeiro. Formou-se em Direito pela Universidade Ibirapuera de São Paulo. Entre os anos de 1998 e 2006, foi Diretor Executivo de várias empresas de telecomunicações. A partir de 2006, atuou como empresário nas áreas de Segurança e Comunicação, até ser convidado para assumir a Secretaria de Esporte do GDF.

Por Laize Andrade e Geysa Albuquerque

sexta-feira, 30 de maio de 2014

Desigualdade social como causa da violência




*Deputado Federal Vitor Paulo

Olhando o tempo da nossa sociedade, é difícil perceber se os valores tradicionais ainda nutrem a imaginação ética de muitos do povo. Ao assistirmos programas na televisão, somos levados a pensar que criminosos são vítimas e que a violência é culpa da baixa educação e da desigualdade social brasileira.

Nunca alguém conseguiu demonstrar como se explica a correlação das causas ideológicas com os efeitos da violência. Parece que a retórica da desigualdade e da baixa educação como causa da violência vai sendo finalmente falseada por algumas reportagens. 

Matéria publicada pelo Jornal Valor Econômico informa que o Brasil nunca esteve tão rico e tão letrado, e que, mesmo assim, a violência nunca esteve tão grande. Os dados apresentados pelo jornal são uma evidência de que os ideólogos terão dificuldades para explicar a violência à luz de suas teorias. 

Um em cada dez homicídios registrados no mundo ocorre no Brasil e os mais de 50 mil assassinatos que ocorrem todos os anos no nosso País se equivalem à taxa de mortes violentas da República do Congo, que está em guerra há quase duas décadas.

A principal insatisfação dos brasileiros é com os serviços públicos. Primeiro, a saúde. Em segundo lugar, a segurança pública, à frente da educação e do emprego. Em Brasília, 85% da população declarou que a principal preocupação é a violência, segundo os resultados da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Brasília é uma cidade com excelente média salarial. Isso atrai muitas outras pessoas, que aqui chegam e também aumentam o rendimento. Então por que a região do Distrito Federal desponta também na violência se o padrão social é bom? Tomando a Capital Federal como parâmetro, fica claro que a ideologia da exclusão social como causa da violência está refutada. É preciso considerar outras variáveis para tratar a insegurança.

Há uma abordagem que vem da economia. É o cálculo utilitário: o criminoso somente agirá quando o risco do delito é menor do que o ganho que ele terá com o crime. Ou seja, o criminoso faz um cálculo econômico antes de cometer o ato. Com esta visão, o bandido não seria um coitado, que a ideologia dominante continua a impor, mas um empreendedor criminoso.

Essa nova abordagem do crime argumenta que o cálculo econômico já estaria assimilado pela mente do criminoso: ele já saberia que a possibilidade de ele ser preso pela polícia é pequena; de ele ser condenado pela justiça é ainda menor; e de que ele passará um bom período na cadeia é motivo de piada. Com tantos incentivos assim, é impossível que não surjam, cada vez mais, empreendedores do crime.

Vitor Paulo comemora revogação de portaria que incluía aborto legal na tabela do SUS

 
 

“Não podemos legalizar o aborto no Brasil”. Com essas palavras, o deputado republicano Vitor Paulo comemorou a revogação da Portaria 415/2014, do Ministério da Saúde, que regulamentava e estabelecia os procedimentos a serem tomados pelo Serviço Único de Saúde (SUS) nos casos de aborto legal. O parlamentar reforça que regulamentação dessa prática é séria e traz consigo muitas preocupações. “No Brasil, a prática do abordo é crime, não sendo aplicável em casos de estupro ou risco de morte da mãe. Esse é um assunto muito sério e preocupante”, completou.

Mobilização pela aprovação da PEC 555

 
Projeto prevê o fim da contribuição previdenciária dos servidores públicos aposentados e pensionistas
 
 


Servidores públicos e entidades que integram a Frente Nacional pela PEC 555/2006, se mobilizaram na manhã dessa quinta-feira (29/05) no Auditório Nereu Ramos da Câmara dos Deputados para cobrar a inclusão da PEC na Ordem do Dia do Plenário e a sua aprovação. O projeto extingue a cobrança de contribuição previdenciária dos servidores públicos aposentados e pensionistas.

O deputado federal Vitor Paulo, do PRB, marcou presença no encontro e mais uma vez reafirmou seu compromisso com a categoria. “A aprovação deste projeto corrigirá uma injustiça praticada contra os servidores públicos aposentados e os pensionistas. Trata-se de um anseio legítimo e justo da categoria. Apresentei um requerimento solicitando a inclusão do mesmo na pauta de votações da Câmara. É o nosso dever aprovar esse projeto. Contem com o meu apoio nessa luta”, destacou.

terça-feira, 27 de maio de 2014

Empossados novos coordenadores regionais do PRB Idoso no DF





O II encontro do PRB Idoso/DF, foi marcado pela posse dos novos coordenadores regionais que irão comandar o movimento social em 10 cidades administrativas da capital federal. A solenidade foi conduzida pelo coordenador nacional do PRB Idoso, Ricardo Quirino, na tarde terça-feira (27/05), no auditório Freitas Nobre - Câmara dos Deputados.

O objetivo, segundo Quirino, é intensificar as ações e mecanismos voltados à valorização da pessoa idosa em cada cidade satélite, promover debates junto à população e, assim articular estratégias de modo a garantir a efetivação dos direitos das pessoas com mais de 60 anos. “Defender o direito do idoso é uma tarefa que inspira grandes desafios. O PRB Idoso está se consolidando em todo o Brasil e vem somando forças, com o objetivo de lutar pela garantia e efetivação do direito dessas pessoas, que infelizmente são desprezadas pela sociedade”, disse.

O presidente da Frente Parlamentar em Apoio ao Idoso, deputado republicano Vitor Paulo, lembrou que pretende visitar todas as cidades com os novos coordenadores do PRB Idoso e assim, promover debates junto aos idosos com a finalidade de conhecer suas demandas e problemas. “No DF, o número de idosos ultrapassa a casa dos 200 mil. Quero visitar todas as regiões administrativas DF para conhecer de perto a situação dos nossos idosos. Com isso, traçar estratégias para a implementação de políticas públicas. Quero ser um embaixador na defesa e valorização da pessoa idosa”, completou.


Coordenadores regionais

Francisco Barbosa irá comandar o movimento do PRB Idoso na região da Vila Planalto; João Batista ficará responsável pelo movimento social em Sobradinho; Elias Campos na coordenação da região de Brazlândia; Milton Rodrigues ficará no comando de São Sebastião; já a região de Santa Maria ficará a cargo de Paulo Roberto. Além disso, na região do Lago Norte, o PRB Idoso ficará sob o comando da Dra. Elza Maestro; Marcos Porto será o responsável pelo movimento na região do Plano Piloto; no Gama, o PRB Idoso ficará no comando de Laudicéia Lemos; a região do Lago Sul terá como representante Arthur Martins; e em Taguatinga, o movimento terá em sua gestão Galdino Nunes. Na ocasião, também foi empossado o vereador Valdete Santana, que vai coordenar os trabalhos do PRB Idoso em Cabeceiras, Minas Gerais.
 
Texto: Laize Andrade
Fotos: Douglas Gomes - Liderança do PRB

Vitor Paulo presidirá subcomissão na CREDN

  


Foi instalada nesta terça-feira (27/05), no âmbito da Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional (CREDN), a Subcomissão Especial para Acompanhar a Política Salarial dos Militares da Ativa e da Reserva. O colegiado será presidido pelo deputado republicano Vitor Paulo, pelo vice-presidente Nelson Marquezelli e terá como relator o deputado Izalci.
 
Recentemente, o deputado Vitor Paulo apresentou a Proposta de Emenda à Constituição (PEC 404/2014) que garante a revisão geral anual da remuneração dos militares das Forças Armadas do Brasil, alterando o artigo 142 da Constituição Federal. Segundo o parlamentar, apesar dos militares ainda terem uma remuneração defasada e deteriorada, exercem com responsabilidade, eficiência e eficácia as atribuições que lhes são confiadas.
 
"Considerando das sucessivas e constantes perdas salariais acumuladas pelos militares das Forças Armadas, é justo a recomposição da remuneração anualmente, desses profissionais, que têm papel preponderante na preservação da paz e da segurança nacional. Precisamos valorizar esses homens e mulheres que estão sempre presentes em defesa do povo e de nossas fronteiras”, explicou.

Por Mônica Donato com informações e foto Afonso Farias

Título de Cidadão Honorário de Brasília ao Presidente Nacional do PRB Marcos Pereira


O deputado republicano Vitor Paulo participou da cerimônia de outorga do Título de Cidadão Honorário de Brasília ao Presidente Nacional do Partido Republicano Brasileiro - PRB, Marcos Pereira. A solenidade aconteceu nessa segunda-feira (26/05), no Plenário da Câmara Legislativa do Distrito Federal e, reuniu várias autoridades, apoiadores, militantes, executivos e alunos da Fundação Republicana Brasileira.

Representado a Bancada do PRB na Câmara Federal, o deputado Vitor Paulo destaca a atuação de Pereira à frente da legenda. “Marcos Pereira é um homem de grande visão que tem percorrido o Brasil de norte a sul buscando conhecer a nossa realidade econômica e social. Tem buscado os anseios da sociedade no intuito de fazer do Partido a ressonância da sociedade junto aos poderes constituídos”, disse.

 
Links relacionados

Dia do Bombeiro Militar é destaque no Parlamento




A Câmara dos Deputados realizou Sessão Solene na manhã desta segunda-feira (26) em homenagem ao “Dia do Bombeiro”. Na oportunidade, o deputado republicano Vitor Paulo ressaltou o trabalho desses profissionais que arriscam suas próprias vidas para salvar quem está em perigo.

“Uma das únicas pessoas que pode sentir-se um super-herói, de verdade, é o Bombeiro Militar. O trabalho de um Bombeiro, que acende um brilho nos olhos de todas as crianças, produz muito mais do que a manutenção das riquezas e das vidas. Transmite a segurança de que vale a pena suar o rosto todos os dias em busca do progresso. Também faz brilhar os olhos dos simples, porque o bombeiro representa a ética da caridade e do sacrifício, que, no fundo, inspira os homens de boa vontade”, afirmou Vitor Paulo.

O republicano observou que a profissão de Bombeiro ultrapassa a definição de emprego e se explica por vocação. “É mais sacerdócio do que profissão. É mais entrega do que exigência. A sociedade e os governos devem prestar atenção naquilo que os frustram. Se o governo deve sempre empenhar o talento em prol do bem-estar do povo, nada mais lógico do que prestar atenção naqueles que estão sempre atentos à segurança e à esperança de crescimento do povo. O anjo que mora perto, que sente as mesmas amarguras sociais do mais simples cidadão, é também o Bombeiro Militar”, elogiou o deputado.
 


Por Mônica Donato
Fotos: Gabriela Korossy

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Projeto de Vitor Paulo garante revisão anual da remuneração dos militares das Forças Armadas

 


O deputado federal Vitor Paulo, do PRB, apresentou a Proposta de Emenda à Constituição (PEC 404/2014) para garantir a revisão geral anual da remuneração dos militares das Forças Armadas do Brasil. O texto altera o artigo 142 da Constituição Federal.

“Considerando das sucessivas e constantes perdas salariais acumuladas pelos militares das Forças Armadas, é justo a recomposição da remuneração anualmente, desses profissionais, que têm papel preponderante na preservação da paz e da segurança nacional. Precisamos valorizar esses homens e mulheres que estão sempre presentes em defesa do povo e de nossas fronteiras”, explicou.

O parlamentar republicano afirmou que apesar dos militares ainda terem uma remuneração defasada e deteriorada, exercem com responsabilidade, eficiência e eficácia as atribuições que lhes são confiadas.


Por Laize Andrade
Foto: Douglas Gomes 

Vitor Paulo destaca a importância do legado deixado pelo povo de Israel

 
 
“Um povo se mantém, quando a harmonia e principalmente os valores e as tradições são perpetuados. Esse é o exemplo que o povo de Israel dá a nossa civilização”, afirmou o deputado republicano Vitor Paulo durante Sessão Solene em comemoração aos 66 anos da instituição do Estado de Israel, nesta quarta (21), na Câmara dos Deputados.

Membro da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional, Vitor Paulo lembrou aos modernos progressistas brasileiros, que tradição e valores culturais não são mercadorias descartáveis: “desconstruir o que os nossos mortos deixaram não é sinal de progressismo. É sinal de irresponsabilidade. A permanência de Israel é o exemplo”, disse.

Para o republicano, o tradicionalismo também não é sinônimo de regressão. “Progresso social é aquilo que se consegue com desenvolvimento tecnológico e trabalho. A capacidade de superar as adversidades vem das tradições muito bem guardadas pelas gerações. O povo de Israel é exemplo de respeito às famílias, à sabedoria dos mais velhos e a toda a história religiosa, de onde veio o nosso cristianismo e a nossa compreensão de justiça. Todo o valor que ainda cultivamos no Brasil, vem da nossa raiz cultural judaico-cristã”, ressaltou.

Vitor Paulo destacou também as relações judaico-brasileiras. “Tenho certeza de que os Judeus que vivem no Brasil, mesmo sem esquecerem a raiz familiar do vale do Jordão, desfrutam de uma sociedade tolerante às diferenças étnicas ou religiosas”, acrescentou.

Por Mônica Donato
Foto: Luis Macedo / Câmara dos Deputados

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Vitor Paulo defende aposentadoria integral por invalidez para servidor público

 


O deputado federal Vitor Paulo, do PRB, apresentou requerimento solicitando a inclusão da Proposta de Emenda à Constituição 170/2012, na pauta de votações do Plenário. O texto garante proventos integrais aos servidores públicos aposentados por invalidez.

O parlamentar do PRB explica que a aposentadoria por invalidez com proventos integrais é assegurada apenas nos casos de acidente em serviço, moléstia profissional ou doença grave prevista em lei, como hanseníase, paralisia irreversível e mal de Parkinson. Caso o servidor sofra algum um acidente fora do trabalho e fique inválido, por exemplo, ele pode ser aposentado, mas receberá remuneração proporcional ao tempo de contribuição.

“Com esse projeto, a aposentadoria integral ao servidor será aplicada a qualquer tipo de acidente que ocasione sua incapacidade. Ninguém fica inválido porque quer. Essa proposta vem corrigir uma injustiça”, salientou.
 
Texto: Laize Andrade
Foto: Douglas Gomes

Vitor Paulo destaca atuação dos defensores públicos


O Dia Nacional da Defensoria Pública foi comemorado com sessão solene na Câmara dos Deputados, nessa terça-feira (20/05). O deputado federal Vitor Paulo, do PRB, esteve presente na solenidade e destacou a atuação dos profissionais na representação e defesa dos cidadãos menos favorecidos, bem como, na consolidação da democracia. “A nossa defensoria pública cumpre uma função solidária e humanista de representar os mais pobres nos tribunais. Além disso, é a prova de que o Brasil é um país civilizado e de que os Direitos Humanos são princípios fundacionais da nossa democracia”, avaliou.

Como presidente da Frente Parlamentar em Apoio ao Idoso, Vitor Paulo também elencou a importância do trabalho desenvolvido pelo Núcleo de Defesa do Idoso da Defensoria Pública do Distrito Federal, no que diz respeito a proteção das pessoas idosas.

O parlamentar completa: “A concepção de instituir-se a Defensoria Pública teve um viés humanista. Nem todos os cidadãos podem arcar com os serviços de advogados para garantir os direitos e, os defensores públicos desempenham uma importante missão”.
 
Texto: Laize Andrade
Foto: Ag. Câmara

terça-feira, 20 de maio de 2014

Visita ao Embaixador de Portugal


Na manhã desta segunda-feira (19/05) o deputado republicano Vitor Paulo esteve reunido com o Embaixador de Portugal Francisco Teles, para conversarem sobre as relações entre as duas nações.

No encontro, o diplomata português ressaltou o incremento e o crescimento do turismo brasileiro em Portugal, bem como, no setor imobiliário o que tem contribuído muito para o crescimento e a retomada da economia portuguesa.

O parlamentar republicano destaca que Portugal é um parceiro comercial natural do Brasil e que graças a muitos investidores portugueses que aqui estão, milhares de brasileiros encontraram emprego e novas possibilidades. "Portugal sempre foi um grande aliado do Brasil e sem dúvida nenhuma um parceiro comercial muito importante para nossa economia", enfatiza Vitor Paulo.
 
Texto e foto: Tânia Maria

quinta-feira, 15 de maio de 2014

Ato público em homenagem ao “Dia Internacional da Família”

 
 
O deputado federal Vitor Paulo, do PRB, participou de ato público em alusão ao Dia Internacional da Família, na Câmara dos Deputados. O evento foi realizado pela Frente Parlamentar Evangélica do Congresso Nacional com o objetivo de promover a conscientização das questões relativas às famílias.

O parlamentar destacou a importância da reflexão acerca dos problemas e necessidades pelos quais passam a família brasileira e defendeu a ampliação do debate das iniciativas que estão em execução e, que visam o fortalecimento da família. “A família é o grande pilar que sustenta a sociedade, por isso, sou um defensor dos valores familiares e lutarei sempre para preservar esses laços”, ponderou.

Data
O Dia Internacional da Família é comemorado em todo o mundo no dia 15 de maio. A data foi proclamada pela Resolução da Assembleia Geral da ONU em 1993.
 
Texto: Laize Andrade
Foto: Douglas Gomes

sexta-feira, 9 de maio de 2014

Feliz "Dia das Mães"

 


Homenagem aos 50 anos do Sinduscon/DF


O jubileu de ouro do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Distrito Federal – Sinduscon/DF, foi comemorado com sessão solene na Câmara dos Deputados, nesta sexta-feira (09/05). Representado o PRB, o deputado federal Vitor Paulo destacou o legado da entidade no desenvolvimento da capital federal. “O Sinduscon representa um marco para Brasília e, atuou indispensavelmente para o desenvolvimento da nossa capital. Sem os intrépidos trabalhadores da construção civil, o sonho de Dom Bosco não teria se concretizado”, lembrou.

A história da entidade também foi elencada pelo parlamentar. Vitor Paulo conta que com o objetivo de atender às demandas da categoria trabalhista, empresários do setor se uniram para criar, em 19 de março de 1964, o Sinduscon.

Para o republicano, o Sinduscon tem um papel fundamental na representação da defesa dos direitos dos profissionais que atuam no segmento da construção civil. “A entidade sempre esteve atento aos anseios da categoria trabalhista. Como sindicato patronal, nunca deixou de lado o cuidado e atenção ao trabalhador da Construção Civil. Com 50 anos de história, a instituição representa, oficialmente, o setor da construção civil nas negociações trabalhistas, jurídicas, parlamentares e em diversos assuntos de interesse dos associados”, finalizou.

Texto: Laize Andrade
Foto: Douglas Gomes - PRB

quarta-feira, 30 de abril de 2014

PRB realiza 1º encontro regional em Santo Antônio do Descoberto/GO


No último sábado (26), o Partido Republicano Brasileiro – PRB, realizou o 1º encontro regional em Santo Antônio do Descoberto/GO. O evento aconteceu na Câmara Municipal da cidade e reuniu autoridades, militantes e a população local, com o objetivo de debater as políticas públicas para os municípios do entorno do Distrito Federal. Na ocasião, o secretário nacional da sigla, Evandro Garla, deu posse aos coordenadores doPRB Juventude, Sandra Amaral, e do PRB Mulher, Rosineide Moreira.

O vereador da cidade, Paulo Muniz, explica que esse é o primeiro encontro da legenda na região. “Este é o primeiro encontro republicano de vários outros que teremos em nossa cidade. O objetivo é fortalecer o PRB e somar novas adesões. Aproveitamos, ainda, para ouvir da população às demandas locais e propor estratégias de melhorias”, disse.

O deputado federal Vitor Paulo marcou presença no encontro e elencou os projetos do PRB em tramitação na Câmara Federal. “Defendemos o fim do fato previdenciário, PEC 300, valorização do idoso, da família, da juventude, da mulher, do trabalhador e tantos outros. Nosso objetivo é atender as demandas e anseios dos mais necessitados”, relatou.

Recursos

Para a Saúde Básica do município de Santo Antônio do Descoberto/GO, o deputado Vitor Paulo destinou recursos para construção, reforma e aquisição de equipamentos para os Centros de Saúde, Postos de Saúde e PSF – Programas de Saúde da Família.

Além disso, conseguiu junto ao Ministério da Pesca e Aquicultura – MPA, projetos de inclusão social, que tem por finalidade geração de emprego e renda que contemplará toda a região do entorno do DF.

Por Laize Andrade – Ascom deputado Vitor Paulo

segunda-feira, 28 de abril de 2014

Vitor Paulo recebe título de Cidadão Honorário de Brasília

Solenidade de outorga do Título de Cidadão Honorário ao Deputado Federal Vitor Paulo
 
O deputado federal Vitor Paulo, do PRB, foi agraciado com o Título de Cidadão Honorário de Brasília. A solenidade aconteceu na Câmara Legislativa do Distrito Federal e reuniu líderes comunitários, familiares, amigos, políticos e lideranças religiosas.

O deputado distrital Evandro Garla (PRB), idealizador da solenidade, destacou que a homenagem se dá ao reconhecimento da atuação do parlamentar pelo crescimento da capital federal. “Vitor Paulo tem uma ligação direta com a nossa cidade. Ocupou cargos importantes no DF, como presidente da Rede Record, Presidente da Abratel e Secretário do Meio Ambiente e Recursos Hídricos. Com essa solenidade, conseguimos reconhecer o que já fez pela capital do nosso país”, destacou.

Vitor Paulo lembrou que está em Brasília há 16 anos e aqui construiu uma história de vida. “Me sinto honrado receber o título de cidadão honorário de Brasília. Cheguei a essa cidade em 1998, para dirigir a TV Record. Aqui criei meus filhos, estudei e fiz grandes amizades. Também fui deputado e secretário de Estado. Acredito que essa homenagem vem selar esta aliança com Brasília”, disse. O republicano reforça que vai trabalhar ainda mais pelo crescimento da cidade. “Como cidadão honorário de Brasília vou trabalhar ainda mais por essa cidade. Afinal, agora sou legítimo cidadão brasiliense”, afirmou.

Perfil

Vitor Paulo é casado e pai de três filhos. Pastor evangélico, jornalista político e pós-graduado pela Universidade de Brasília – UnB. Tem ampla trajetória política em Brasília há 16 anos. Já disputou eleição para deputado distrital e foi Secretário de Estado na Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos. Presidiu a TV Record/DF e a Associação Brasileira de Rádio e Televisão. Na Câmara Federal, cumpre seu primeiro mandato. Em 2012, foi o terceiro deputado federal que mais trabalhou pelo crescimento do país (Revista VEJA).

Foto: Jessé Vieira

quinta-feira, 24 de abril de 2014

Título de Cidadão Honorário de Brasília



A Câmara Legislativa do Distrito Federal entrega nesta sexta-feira (25/04), em sessão solene, o título de Cidadão Honorário de Brasília ao deputado federal Vitor Paulo. A solenidade foi proposta pelo deputado distrital Evandro Garla (PRB) e ocorre a partir das 19h no plenário da Casa. 

 A homenagem é concedida a pessoas que se notabilizam por seus feitos e que, em especial, engrandecem a Capital Federal com seus trabalhos.

Vitor Paulo é pastor evangélico, jornalista político e pós-graduado pela Universidade de Brasília – UnB. Tem ampla trajetória política em Brasília há mais de 15 anos. Já disputou eleição para deputado distrital e foi Secretário de Estado na Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos.

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Aposentadoria especial a mulheres policiais

 


O Plenário da Câmara aprovou o Projeto de Lei Complementar 275/01, do Senado, que permite a aposentadoria voluntária das mulheres policiais federais com 25 anos de contribuição, desde que estejam há pelo menos 15 anos na carreira. O projeto segue agora para sanção presidencial.

O texto altera a Lei Complementar 51/81, e introduz novas regras para a aposentadoria voluntária dessas profissionais, adequando os padrões exigidos às alterações da Constituição de 1988, que estabeleceu exigências diferenciadas para a aposentadoria de homens e mulheres. 

O deputado republicano Vitor Paulo comemora. “A aprovação deste projeto é um grande avanço. A policial mulher, em relação aos seus colegas homens, não tinha qualquer vantagem para fins previdenciários. Afinal, a nossa Constituição Federal já determina tratamento diferenciado às mulheres no quesito aposentadoria”, enfatizou.

Homenagem aos 54 anos de Brasília


A Câmara dos Deputados realizou sessão solene para homenagear os 54 anos de Brasília, comemorado no último dia 21 de abril. Representando a bancada do PRB, o deputado Vitor Paulo destacou a história da capital federal como marco para o desenvolvimento do país. “Brasília é uma cidade estrategicamente pensada. Não é em vão que é Patrimônio Cultural da Humanidade. Além disso, tem suas características peculiares pela sua beleza e originalidade. É a capital do orgulho de todos os brasileiros”, disse.

Vitor Paulo que tem uma ampla trajetória política na capital federal destaca que “a cidade tem calor humano e pessoas que a amam. Todos que aqui chegam se apaixonam. Parabéns aos pioneiros desta bela cidade”.

Foto: Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Cartilha que divulga benefícios da Previdência é lançada na Câmara

 
Vice- Presidente da ANFIP - Vilson Antônio Romero
 
O deputado federal Vitor Paulo (PRB) participou na manhã desta quarta-feira (09/04), do lançamento da cartilha “Benefícios da Previdência Social”. A solenidade aconteceu durante reunião na Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF) da Câmara.
A publicação traz informações e esclarecimentos dos benefícios oferecidos pela Previdência Social, em função de sua contribuição. A cartilha de autoria da ANFIP (Associação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal) aborda temas relacionados à aposentadoria, auxílio-doença, salário-família, salário-maternidade, pensão, fator previdenciário e cálculo de aposentadoria por tempo de contribuição.

O parlamentar do PRB elogiou a iniciativa e defendeu a aprovação da PEC 555, que extingue a contribuição previdenciária do servidor público aposentado e do pensionista. “Como presidente da Frente Parlamentar em Apoio ao Idoso é minha prioridade lutar pelos direitos dos idosos e aposentados. Apresentei um requerimento para que a PEC 555 seja inclusa na pauta de votações da Câmara”, enfatizou.

A publicação também está disponível para download no endereço eletrônico:http://www.anfip.org.br/publicacoes/20140409114505_Cartilha-Beneficios-Previdencia-Social_09-04-2014_Cartilha-REDUZIDA-Beneficios-da-Previdncia-Social-verso-final-27_03_2014____.pdf

Vitor Paulo faz balanço de Missão Oficial ao Equador


 
O deputado federal Vitor Paulo, presidente do Grupo Parlamentar de Amizade Brasil – Equador, liderou missão oficial na República Equatoriana onde debateu temas importantes para ambas as nações. Sustentabilidade, meio ambiente, recursos hídricos e renováveis e as legislações vigentes em ambos os países ganharam destaque no encontro. O incidente de contaminação da Petroleira Chevron, o projeto Manta e os sistemas de exportação também foram apresentados à comitiva brasileira que esteve representada, além do parlamentar do PRB, pelos deputados Eurico Júnior e Edinho Bez.

O primeiro encontro do grupo aconteceu no Palácio Carondelet, onde ocorreu a troca da Guarda Presidencial. Os parlamentares foram recebidos pelo Presidente do Equador, Rafael Corrêa, e pelo Vice-Presidente, Jorge Glass.

A comitiva brasileira também visitou a Refinaria do Pacífico, os campos de trabalho da Petrobrás e o Porto de Manta, onde lhes foi apresentado o projeto Manta-Manaus, considerado um dos maiores meios de integração sul-americana. Além disso, participaram de reunião com o setor pesqueiro.

Vitor Paulo destaca que a visita ao país vizinho foi de grande valia para o intercâmbio entre o Brasil e o Equador já que essas relações existem há mais de 140 anos. “Mesmo existindo essas relações de amizade entre as duas nações, ainda temos muito o que conhecer e compartilhar com o país vizinho, principalmente no setores de turismo, comércio, pesca e outros. Em relação ao Projeto Manta-Manaus, Vitor Paulo destaca tratar-se de um grande feito por parte das autoridades equatorianas. “Acredito ser um grande projeto que futuramente beneficiará não apenas Equador-Brasil, mas também os países fronteiriços”, finalizou.

terça-feira, 1 de abril de 2014

Deputado Vitor Paulo inicia agenda oficial no Equador


O Presidente do Grupo Parlamentar Brasil – Equador, deputado federal Vitor Paulo, deu início a Missão Oficial na República do Equador. O primeiro encontro aconteceu ontem (31/03) no Palácio Carondelet, onde ocorreu a troca da Guarda Presidencial, e foi recebido pelo Presidente Rafael Corrêa e o Vice- Presidente Jorge Glass. Na ocasião, o parlamentar republicano presenteou Corrêa com o mascote “Fuleco”, símbolo da Copa do Mundo FIFA de 2014.

Hoje (01/03), o grupo participou de uma reunião de trabalho com o Grupo Parlamentar de Amizade Equador-Brasil, presidido pela congressista Verônica Rodrigues. Um dos temas que nortearam o encontro foram questões relacionadas à sustentabilidade, meio ambiente, recursos hídricos e renováveis e as legislações vigentes em ambos os países. Também aproveitaram a oportunidade para trocar experiências e estreitar os laços entre as nações.

Integram a comitiva os deputados Edinho Bez e Eurico Junior. A missão termina no próximo dia 05 de abril.
 
 
 
Deputado Edinho Bez, Presidente Rafael Corrêa, Congressista Verônica e a Vice - Presidente do Congresso deputada Marcela.
 

Entrega do "Fuleco", o mascote da Copa do Mundo FIFA de 2014, ao Presidente do Equador, Rafael Corrêa. 

terça-feira, 25 de março de 2014

Vitor Paulo destina recursos para saúde do DF



O deputado republicano Vitor Paulo se reuniu na tarde dessa terça feira (25/03) com o Secretário de Saúde do DF, Rafael Barbosa, para pedir prioridade na aplicação dos recursos oriundos de suas emendas ao Orçamento Geral da União. O montante será utilizado na aquisição de novos equipamentos para os hospitais públicos do DF. "Lamentavelmente, a área da saúde carece de mais atenção e investimentos e esses recursos poderão ajudar, principalmente àqueles que necessitam de atendimento médico de média e alta complexidade", explicou o parlamentar.